25/08/2012

Quem é Ela? - Henrique Cerqueira


Quem é ela , encostada na porta de vestido
Cena ideal fotografia
Olhando o infinito sem se preocupar
Será uma festa
Aonde estou se for ela é a dona
Converso com outros , mas ela é dona
Do meu olhar eu não consigo evitar
E descongela se acende e passo a passo a sala vira passarela
Ela vem na minha direção, como a primeira vez que capturou o
meu coração
Que eu já sei, seu nome
Tatuei na alma
Ela já , é a musa de outras canções que eu fiz
Eu já sei seus gosto , manias, desgostos
E essa não é a primeira vez , que eu novamente me
apaixonarei , por ela
Quem é ela ?
Que dorme em meu colo, feito cinderela
Esfrega os pezinhos, coisa bela
Que quando estressadinha gosta de brigar
Quem é ela ?
Que faz eu me esquecer que existe tempo
Que faz eu me lembrar que o tempo é curto
Me lembra pelo o que se vale apena trabalhar
E descongela se acende e passo a passo a sala vira
passarela
Ela vem , na minha direção, como a primeira vez que capturou o
meu coração
E eu já sei, seu nome
Tatuei na alma
Ela já, é a musa de outras canções que eu já fiz
Eu já sei seus gosto, manias, desgostos
E essa não é a primeira vez
E eu já sei, seu nome
Tatuei na alma
Ela já, é a musa de outras canções que eu fiz
Eu já sei seus gosto, manias, desgostos
E essa não é a primeira vez
E essa não é a última vez
E essa não é a primeira vez
Que eu novamente me apaixonarei,
Por ela ...
Quem é ela ?
Quem é ela ?
Que bela ...